25/04/2017

Com a aproximação da estação do inverno e prevendo queda brusca na temperatura, a Secretaria de Desenvolvimento Social, da Prefeitura de Ituiutaba preocupada com as famílias e pessoas em situação de carência, fará lançamento na próxima quinta-feira, 27 da Campanha do Agasalho.

 

A campanha será realizada mediante a colaboração de voluntários, entidades, empresas parceiras e principalmente com a compreensão e colaboração da sociedade tijucana. O evento de lançamento ocorrerá às 09hs, da próxima quinta-feira, 27, no quinto andar do Edifício do Banco do Brasil.

 

Para o Secretário de Desenvolvimento Social, Renato Moura, as informações sobre queda de temperatura, registradas pela imprensa nos anos anteriores, é sinal de alerta e preocupação. Conforme registrado pelo Instituto Nacional de Meteorologia, Inmet, no dia 22 de agosto e 2016, Ituiutaba marcou a mais baixa temperatura da região do Pontal, com 7,9.

 

“Em município como Ituiutaba, onde se registra temperaturas altas praticamente em quase todo o ano, parece estranho realizar campanha do agasalho. Entretanto, quem sente frio intenso na pele, por alguns minutos que seja, sabem o valor que é estar agasalhado, protegido dessas surpresas”, pondera Renato.

 

De acordo com a equipe de organizadores, a campanha terá nome de “Quanto mais calor, mais amor”, e pretende receber adesão de todas as entidades sociais, civis e organizadas de Ituiutaba. Na sede do Tiro de Guerra 11/002, grande apoiador do projeto, haverá ponto de apoio para recolhimento e separação de todo tipo de agasalhos, roupas e acessórios a serem recolhidos, antes e no dia D da campanha, agenda para 06 de maio próximo. 

 

A programação para o dia D ainda está sendo organizada. Mas a previsão para esta data, é que seja desenvolvido uma ação, percorrendo por voluntários parceiros em vários pontos da cidade, recebendo as doações de cobertor, blusa, jaquetas, casacos e roupas de frio. Depois de feito a triagem das doações, a distribuição a população e famílias carentes, será feito pelos quatro Centro de Referência e Assistência Social, CRAS, existente no município.

 

 

 

Fonte: ASCOM

Voltar